Menu

MENU

PUBLICIDADE

Publicado: 27/07/2015, por Redação Atualizado: 27/07/2015 às 14h43, por Redação

Justiça

Morte de Rielson: Familiares organizam caminhada na próxima quarta-feira

Completando 1 ano desde que o ex-prefeito Rielson Lima foi morto em praça pública em Itagimirim, familiares ainda não receberam respostas das autoridades

Redação Rastro101

Familiares e amigos realizam quarta caminhada em favor à cobrança no resultado das investigações na morte de Rielson Lima. (Foto: Rastro101)Familiares e amigos realizam quarta caminhada em favor à cobrança no resultado das investigações na morte de Rielson Lima. (Foto: Rastro101)

Na próxima quarta-feira (29), completará exatamente 1 ano desde que o então prefeito de Itagimirim, Rielson Lima, foi assassinado em praça pública no centro da cidade. Ainda sem nenhuma resposta das autoridades, familiares e amigos de Rielson Lima irão promover mais um ato de protesto, novamente com uma caminhada pelas ruas de Itagimirim, que sairá da praça Prado Kelly, às 9 horas da manhã. No mesmo dia, às 19 horas, haverá a missa de 1 ano de falecimento.

Familiares e amigos que eram mais próximos de Rielson ainda confiam na justiça e esperam por uma resolução do caso, mesmo sem garantia de respostas. Políticos de influência já receberam um apelo saindo das mãos da própria irmã do ex-prefeito, Eliade Câmara, que entregou uma carta ao atual governador da Bahia, Rui Costa, quando esteve em visita à Itabela no início do ano.

Outros políticos também já prometeram agilidade nas investigações, como exemplo do atual ministro da Defesa, Jaques Wagner, na época governador da Bahia, quando esteve em Itagimirim e recebeu cobranças do atual prefeito, Rogério Andrade, para que o caso não caísse no esquecimento. Wagner estava passando o cargo, mas disse que esperava que a "justiça fosse feita".

Quem também prometeu ajuda no caso foi o deputado Roberto Carlos (PDT), quando participou de uma audiência com o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, para cobrar agilidade nas investigações do assassinato de Rielson.

Familiares e amigos lamentaram a morte de Rielson, que era muito querido por todos. (Foto: Rastro101)Familiares e amigos lamentaram a morte de Rielson, que era muito querido por todos. (Foto: Rastro101)Durante uma visita à Porto Seguro, no final de 2014, em campanha para governador do estado, Paulo Souto, em entrevista ao vereador Luizinho (PSD), também lamentou a morte de Rielson.

Reforçando o time de políticos influentes na região, o deputado estadual Jânio Natal, em cobrança feita por vereadores em Itagimirim, também prometeu empenho para agilizar as investigações para chegar à uma resposta para a família e para a população.

O caso realmente vem se arrastando há 1 ano, e a única declaração das autoridades é que as investigações já estariam quase que 100% concluídas, mesmo sem apontarem culpados e nunca chegar à uma solução. Por diversos motivos, delegados que estavam à frente do caso foram substituídos, o que trouxe ainda mais morosidade às investigações, além de grande desconfiança por parte da população.

Com a quarta caminhada pelas ruas de Itagimirim, além de diversos apelos já feitos à políticos, familiares afirmam que não irão descansar até obterem uma resposta das autoridades. Essa resposta só será válida com a punição contra os assassinos, mandantes e executores, responsáveis pelo crime brutal que ceifou a vida do ex-político, ex-empresário, e principalmente pai de família, Rielson Lima.

Comunicar erro na matéria

COMUNICAR ERRO

Este espaço destina-se apenas à comunicação de erros encontrados em nossos textos. Preencha os campos abaixo informando os detalhes do erro.



PUBLICIDADE

TÓPICOS: Rielson Lima Assassinato Crime Veja mais
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Estamos nas redes sociais:

PUBLICIDADE

Últimas no Rastro

PUBLICIDADE
  Receba nossas notícias
PUBLICIDADE
Cadastre-se no Rastro101 e receba nossas notícias



RASTRO101
© COPYRIGHT 2011-2017 | DR WATSON INFORMÁTICA E PUBLICIDADE LTDA.