Geral

BC projeta queda do PIB de setembro e aumento da inflação no ano

Banco Central prevê uma queda no Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), uma espécie de “prévia” do Produto Interno Bruto, de 0,27% em setembro

Rastro101
Com informações do site O Tempo

16/11/2021 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoCom a projeção da inflação para 2021 revisada para cima pela 32ª semana consecutiva, o Banco Central prevê uma queda no Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), uma espécie de “prévia” do Produto Interno Bruto (PIB), de 0,27% em setembro.

De agosto para setembro, o índice de atividade calculado pelo BC passou de 138,93 pontos para 138,56 pontos na série dessazonalizada. Este é o menor patamar desde dezembro do ano passado (138,27 pontos).

Na comparação anual, o índice mostra alta de 1,52%. No ano, o indicador acumula alta de 5,88%. Já em 12 meses, de 4,22%.

O número negativo já era sinalizado pelos resultados abaixo do esperado nos setores de indústria, comércio e serviços, divulgados pelo IBGE nos últimos dias, e confirma o movimento de forte desaquecimento da economia no terceiro trimestre.

Mercado eleva projeção de inflação em 2021 de 9,33% para 9,77%

A projeção do mercado financeiro foi de 9,33% para 9,77%, cada vez mais próxima dos dois dígitos e distante do teto da meta a ser perseguida pelo Banco Central, de 5,25%. Há um mês, estava em 8,69%.

A informação foi divulgada nesta segunda-feira (16) por meio do Relatório Focus, do BC, o primeiro após nova surpresa com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de outubro (1,25%).

O TEMPO agora está em Brasília. Acesse a capa especial da capital federal para acompanhar o noticiário dos Três Poderes.

Link curto: https://bit.ly/30ryaFZ

TÓPICOS:
Crise Econômica

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu