Geral

Garota de 11 anos passa a integrar famosa sociedade de alto QI

Moradora de São José do Rio Preto, em São Paulo, Iani de Toledo Sartóri Matsuo tem 11 anos e desde cedo já exibia seus dotes

Rastro101
Com informações do site O Tempo

19/06/2022 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoMoradora de São José do Rio Preto, em São Paulo, a garotinha Iani de Toledo Sartóri Matsuo, de 11 anos, é uma das mais recentes brasileiras a integrar a Mensa Internacional, uma associação que reúne pessoas com QI elevado. A informação é do site G1. Ao citado portal, a mãe dela, Débora Toledo, contou, em entrevista, que a filha sempre foi uma criança precoce, tendo começado a andar e a falar muito cedo. Também precocemente passou a manusear livros antigos, tendo aprendido a ler e fazer contas aos quatro anos. Já como estudante, acabou se fazendo necessária a aceleração escolar, até que os pais, pesquisando na internet, chegaram à pesquisadora Carina Rondini, coordenadora de um projeto da Unesp de São José do Rio Preto, que visa justamente diagnosticar o QI elevado. Ela é autora de obras sobre o tema, caso de Altas habilidades/superdotação: instrumentais para identificação e atendimento do estudante dentro e fora da sala de aula comum. Com a comprovação da superdotação, veio a admissão no Mensa.

No entanto, é preciso destacar que Iani não está sozinha neste cobiçado ranking. Em abril, Theo Costa Ribeiro, uma criança de São Paulo, de 5 anos de idade, foi o mais jovem brasileiro a ser aceito na sociedade britânica, fundada em 1946, de acordo com o jornal Folha de S. Paulo. Ele atingiu 146 pontos, o que equivale a 99,8 de percentil em uma série de testes que duraram 6 dias.

Antes dele, outras crianças também foram aceitas pela sociedade de gênios. De São Paulo, Gustavo Saldanha, com 8 anos de idade, havia obtido 140 pontos de QI desvio padrão 15, o que equivale a 99,6 de percentil, também aprovado na Mensa Internacional. E com 7 anos, Romeu Gutvilen do Rio de Janeiro, atingiu pontuação de 138 e 99,43 de percentil, ficando acima da média brasileira que é de 87 e 20, respectivamente.

Veja a tabela que configura um gênio, de acordo com as classificações da tabela do QI
Gênio - acima de 144 pontos
Superdotado - de 130 a 144 pontos
Acima da média - de 115 a 129 pontos
Média alta - de 100 a 114 pontos
Média baixa - de 85 a 99 pontos
Abaixo da média - de 70 a 84 pontos
Baixo - de 55 a 69 pontos Muito baixo - menos de 55 pontos
(Fonte: Mensa International)

Link curto: https://bit.ly/3OosjET

TÓPICOS:
Precoce

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101

cachedMais notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

menu