Menu

MENU

PUBLICIDADE

Publicado: 25/01/2016, por Redação Atualizado: 25/01/2016 às 17h24, por Redação

Geral

Moradores de Itagimirim reclamam da água com cor escura nos últimos dias

De acordo com a Embasa, o nível de concentração de ferro que chega até as torneiras das casas está muito elevado.

Redação Rastro101


Teor de ferro está muito elevado. (Foto: Rastro101)Teor de ferro está muito elevado. (Foto: Rastro101)

Os moradores do município de Itagimirim, no sul da Bahia, estão preocupados com a qualidade da água que chega nas torneiras de suas residências nos últimos dias. Muitos moradores reclamam que a água fica totalmente escura depois que é adicionado algum produto químico, como o cloro, por exemplo.

De acordo com o gerente local da Embasa, Ramildo Camilo, o problema está acontecendo porque durante a última estiagem, o nível de concentração de ferro se acumulou na vegetação rasteira ao longo do leito do rio. Com as fortes chuvas dos últimos dias, todo esse ferro foi arrastado e ficou concentrado no reservatório de captação de água. "O nível de ferro que ficava entre 0,6 e 0,8, chegou a 1,8", informou.

Ramildo informou que é preciso evitar a adição de qualquer produto que possa entrar em reação com o ferro na água, principalmente produtos com cloro. Ramildo ressaltou que já havia entrado em contato com dois laboratórios em Eunápolis, que informaram que a água pode ser consumida normalmente sem problema algum.

A psicóloga Stéfane Stolze, moradora de Itagimirim, gravou um vídeo e postou nas redes sociais (Veja o vídeo). O vídeo mostra em tempo real como a água ficava após colocar cloro. Ela achou que o problema era com sua máquina, que estava manchando as roupas, mas depois descobriu que era a água.

Vídeo feito pela psicóloga mostra o processo de reação química. (Divulgação)Vídeo feito pela psicóloga mostra o processo de reação química. (Divulgação)

Em nota enviada pela embasa informa que a empresa está empenhada em solucionar o transtorno e o problema será resolvido nas próximas horas. Os técnicos estão realizando o processo de reação química assim que a água chega no primeiro reservatório na estação de tratamento, e depois disso, passa pelos processos normais de purificação da água. Ainda de acordo com a nota, somente a estética da água está prejudicada, mas não existe nenhuma restrição quanto ao uso doméstico, devendo evitar apenas a adição dos produtos com cloro, até que o problema seja resolvido.


Comunicar erro na matéria

COMUNICAR ERRO

Este espaço destina-se apenas à comunicação de erros encontrados em nossos textos. Preencha os campos abaixo informando os detalhes do erro.



PUBLICIDADE

TÓPICOS: Embasa água Veja mais
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Estamos nas redes sociais:

PUBLICIDADE

Últimas no Rastro

PUBLICIDADE
  Receba nossas notícias
PUBLICIDADE
Cadastre-se no Rastro101 e receba nossas notícias



RASTRO101
© COPYRIGHT 2011-2017 | DR WATSON INFORMÁTICA E PUBLICIDADE LTDA.