Economia

Veracel e Governo baiano voltam a discutir construção de nova fábrica

O governo da Bahia e a Veracel voltaram a discutir a duplicação da empresa, com a construção de nova planta no sul baiano, em um investimento de R$ 7,5 bi

Celulose Online
21/10/2015 por Redação, atualizado em 21/10/2015 às 16h19 por Redação

Nova fábrica terá um investimento superior a R$ 7 bilhões Nova fábrica terá um investimento superior a R$ 7 bilhões. (Foto: Rastro101)

O governo da Bahia e a Veracel voltaram a discutir a duplicação da empresa, com a construção de nova planta no sul baiano, em um investimento superior a R$ 7,5 bilhões.

O assunto está sendo tratado a sete chaves, até porque a Veracel – que é controlada pela Fibria e Stora Enso – já anunciou alguma vezes sua duplicação e foi adiado o investimento. Mas a situação mudou. O mercado mundial demanda celulose, uma necessidade de 1,5 milhão de tonadas/ano, o que significa que há espaço para a construção de uma nova fábrica por ano.

Além disso, o dólar está em alta, favorecendo as exportações, e o setor passa ao largo da crise. Ou seja: o momento é ideal para o investimento. A Bahia caiu no ranking dos maiores produtores de celulose, desde que a Fibria investiu em uma nova unidade em Três Lagoas (MS), e a Suzano construiu uma fábrica no Maranhão. É hora de retomar o posto. Detalhe: a Licença Ambiental para ampliação da fábrica da Veracel ainda está em vigor, o que dá à Bahia uma vantagem imediata.

Link curto: http://bit.ly/2JAsKeW

TÓPICOS:
Veracel Investimentos

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu