Esporte

Jogador que agrediu árbitro no RS é denunciado tentativa de homicídio qualificado

O jogador William Ribeiro foi denunciado por tentativa de homicídio qualificado após agredir o árbitro Rodrigo Crivellaro, durante uma partida da Série A2 do Campeonato Gaúcho (lembre aqui)

Rastro101
Com informações do Bahia Notícias

24/11/2021 por Redação

Divulgação/Bahia NotíciasDivulgação/Bahia Notícias O jogador William Ribeiro foi denunciado por tentativa de homicídio qualificado após agredir o árbitro Rodrigo Crivellaro, durante uma partida da Série A2 do Campeonato Gaúcho (lembre aqui). De acordo com o site ge.globo, o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS) protocolou a denúncia nesta quarta-feira (24), após a conclusão do inquérito pela Polícia Civil. 

 

Responsável pelo caso, o delegado Felipe Cano entendeu haver motivos suficientes para classificar a agressão como "tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil". Ao chutar a cabeça do árbitro, William assumiu o risco de matá-lo, na visão de Cano. 

 

"William agrediu com um soco e neste momento o Rodrigo cai já desfalecido. E ele continua dando um chute na cabeça. Esse foi o entendimento que me motivou a fazer o indiciamento. Caso o William tivesse a intenção de lesionar, no momento que ele dá o soco e o árbitro cai, já lesionou. Mas não. Ele segue com um chute na cabeça, de um atleta profissional, com uma força nas pernas acima do homem médio. Assume o risco de matar. Felizmente não matou, mas assumiu o risco", afirmou o delegado, em entrevista à reportagem. 

 

RELEMBRE O CASO 

A agressão ocorreu aos 14 minutos do segundo tempo da partida entre São Paulo-RS e Guarani, pela Segundona do Gauchão, no dia 4 de outubro. O jogador acertou um soco no árbitro, que já no chão ainda recebeu mais um chute na cabeça. Crivellaro ficou imóvel e os atletas das duas equipes chamaram imediatamente o médico.

 

No hospital Hospital São Sebastião Mártir, o árbitro foi internado e realizou exames, saindo da unidade no dia 5 do mesmo mês. Mais tarde, ficou constatada uma lesão ligamentar na vértebra C6, e o profissional teve de passar por uma cirurgia. 

 

Dessa forma, o inquérito solicitou um laudo complementar para verificar se Crivellaro ficará com alguma lesão permanente. O Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul (TJD-RS) condenou William a ficar sem jogar por dois anos. 

 

William Ribeiro foi condenado no Tribunal  a ficar fora dos gramados por dois anos pela série de soco e chute no juiz no dia 4 de outubro, enquanto São Paulo-RS e Guarani-RS se enfrentavam pela segunda divisão do Campeonato Gaúcho. Ele foi preso em flagrante ainda no estádio e ganhou liberdade provisória.

 

O árbitro se recupera em casa, em Santa Maria, na região central do Rio Grande do Sul, e ficará pelo menos três meses afastado do futebol. Ele terá de usar colar cervical durante o período.

Link curto: https://bit.ly/3CP9lkG

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu