Geral

Bolsonaro diz que filiação ao PL não deve sair dia 22

Presidente disse que ainda tem ‘muita coisa a conversar’ com Valdemar Costa Neto para que seja o ‘casamento perfeito’

Rastro101
Com informações do site O Tempo

14/11/2021 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoO presidente Jair Bolsonaro afirmou que sua filiação ao PL não deve ser feita no dia 22 de novembro, como anunciado pelo presidente nacional do partido, Valdemar Costa Neto. Ele disse que ainda há muito o que conversar com o dirigente da sigla.

“Só vale depois que eu assinar embaixo. Enquanto eu não assinar, não vale. Você quer saber a data da criança se eu nem casei ainda? Que data vai nascer a criança. Tem muita coisa a conversar com o Valdemar ainda”, afirmou durante viagem a Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, onde cumpre agendas econômicas.

“Eu acho difícil essa data de 22. Tenho conversado com ele, e estamos em comum acordo que podemos atrasar um pouco esse casamento para que ele não comece sendo muito igual os outros. Não queremos isso”, acrescentou Bolsonaro.

O presidente quer alinhar o discurso do PL ao dele para que seja um “casamento perfeito”. “Não é a minha bandeira que vai ficar isolada no partido dele. Nós queremos é um projeto de Brasil e o discurso não é apenas o meu. É do presidente do partido também nós estarmos perfeitamente alinhados”, contou.

“Temos muitas coisas a acertar ainda. Por exemplo, o discurso meu e do Valdemar nas questões das pautas conservadoras, nas questões de interesse nacional, na política de relações exteriores. A questão de defesa, os ministros, o padrão de ministros a continuar. Casamento tem que ser perfeito”, destacou.

Bolsonaro que, ainda, ter controle das disputas estaduais. “A gente não vai aceitar, por exemplo, que São Paulo apoie alguém do PSDB”, finalizou.

O presidente da República foi eleito pelo PSL nas eleições de 2018, mas deixou o partido em 2019 em meio a divergências com a cúpula da sigla. De lá para cá, tentou articular a criação do Aliança Brasil, mas não conseguiu as quase 500 mil assinaturas necessárias para registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O TEMPO agora está em Brasília. Acesse a capa especial da capital federal para acompanhar o noticiário dos Três Poderes.

Link curto: https://bit.ly/3qyJaft

TÓPICOS:
Novo Partido

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu