Geral

CPI da Covid-19 discute relatório final

O relator Irlan Melo pede o indiciamento de infectologistas do Comitê Covid-19, assim como investigação do prefeito Alexandre Kalil por crime de responsabilidade

Rastro101
Com informações do site O Tempo

11/11/2021 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoA Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 discutirá, nesta quinta-feira (11), em reunião na Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH), o relatório final. Redigido pelo vereador Irlan Melo (PSD), o documento pede o indiciamento de infectologistas do Comitê Covid-19 de Belo Horizonte e servidores da BHTrans, assim como solicita a investigação do prefeito Alexandre Kalil (PSD) por suspeita de crime de responsabilidade. Caso aprovado, o relatório será encaminhado ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG).

Na última segunda-feira (8), a CPI da BHTrans já havia pedido o indiciamento de Kalil por peculato, prevaricação, condescendência criminosa e infrações político-administrativas. O relatório da CPI da Covid-19 ainda endossa acusações contra o ex-presidente da BHTrans, Célio Bouzada, e o ex-diretor Daniel Marx Couto. Por outro lado, pede o indiciamento do secretário da Fazenda, João Antônio Fleury.

Além dos membros da Administração Pública, os infectologistas Carlos Starling e Estevão Urbano também tiveram o pedido de indiciamento. Ambos integravam o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 ao mesmo tempo em que prestaram consultoria para o setor privado, o que, no entendimento do relator, configura conflito de interesses.

A CPI da Covid-19 é presidida pelo vereador Juliano Lopes (Agir). Além de Juliano e Irlan, compõem a comissão os parlamentares Nikolas Ferreira (PRTB), Jorge Santos (Republicanos), Flávia Borja (Avante), José Ferreira (Progressistas) e Bruno Miranda (PDT).

Link curto: https://bit.ly/3knRZF6

TÓPICOS:
Cmbh

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu