Geral

Jovens encontradas mortas na BR-101 moravam juntas em Eunápolis

Polícia - com informações do LiberdadeNews

Rastro101
Com informações do LiberdadeNews

09/10/2021 por Redação

/

Itabela: As duas jovens encontradas mortas às margens da BR-101, na manhã desta sexta-feira (08), eram moradoras de Eunápolis. Os corpos só foram identificados no fim da tarde, depois do exame necroscópico no Instituto Médico Legal, em Porto Seguro.

O delegado Robson Andrade, titular da delegacia de Itabela, município onde os corpos foram localizados, acredita que o crime não ocorreu naquele local.

Para ele, as vítimas foram assassinadas em outra área e tiveram os corpos transportados até às margens da rodovia, provavelmente em um carro. “É um caso típico de desova de cadáver”, frisa.

A perícia constatou que Catrine Rocha Costa, 15 anos e Taísa Barbosa dos Santos, 22, foram executadas. Catrine foi atingida por cinco tiros na cabeça, peito e pescoço. Já Taísa sofreu sete disparos de arma de fogo em regiões como maxilar, nariz, boca e cabeça.

Elas apresentavam ainda lesões de defesa. “Havia ferimentos nas mãos, o que indica que tentaram se proteger dos tiros”, afirmou o delegado.

A reportagem apurou que Catrine e Taísa eram amigas e moravam juntas em uma casa na Rua Nossa Senhora Aparecida, no bairro Moisés, em Eunápolis. Catrine era órfã de mãe e optou por ficar sozinha na cidade depois que os familiares mais próximos se mudaram para a zona rural.

A Polícia Civil já abriu inquérito para apurar o duplo homicídio.

Fonte: Radar64

Matéria relacionada

Duas mulheres são assassinadas e os corpos desovados às margens da BR 101 em Itabela

Link curto: https://bit.ly/3Dgye9A

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu