Esporte

Ginasta reserva dos EUA testa positivo para a Covid-19

A equipe de ginástica artística dos Estados Unidos registrou seu primeiro caso de Covid-19

Rastro101
Com informações do Bahia Notícias

19/07/2021 por Redação

Divulgação/Bahia NotíciasDivulgação/Bahia Notícias A equipe de ginástica artística dos Estados Unidos registrou seu primeiro caso de Covid-19. O Comitê Olímpico americano (USOPC) confirmou nesta segunda-feira (19), que uma atleta reserva da seleção foi diagnosticada com a doença. De acordo com a agência de notícias japonesa Kyodo News, a estrela Simone Biles e companhia estão concentradas fora da Vila Olímpica, em Inzai, distrito da prefeitura de Chiba.

 

No comunicado, a USOPC informa que a atleta foi transferida para um hotel e está em quarentena. A entidade não divulgou o nome da ginasta e disse que trata a segurança e saúde da seleção como prioridade. A equipe reserva americana é composta por Kara Eaker, Leann Wong, Kayla DiCello e Emma Malabuyo. Enquanto o time titular é formado por Simone Biles, Jordan Chiles, Grace McCallum, Sunisa Lee, MyKayla Skinner e Jade Carey. Existe o receio que outras ginastas tenham se contaminado já que compartilham a mesma rotina desde que chegaram ao Japão. Elas são divididas apenas na hora dos treinamentos e alternam os aparelhos.

 

O torneio de ginástica artística feminina começa no próximo sábado (24), um dia após a abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Link curto: https://bit.ly/3wSROVL

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu