Geral

Diretora alega confidencialidade e não divulga ganho da Precisa com a Covaxin

Emanuela Medrades confirmou que a Bharat Biotech ganharia US$ 15 por dose da vacina vendida ao Ministério da Saúde, mas não disse qual seria o ganho da Precisa no negócio

Rastro101
Com informações do site O Tempo

14/07/2021 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoEm depoimento à CPI da Covid nesta quarta-feira (14), a diretora-técnica da Precisa Medicamentos, Emanuela Medrades, afirmou que a indiana Bharat Biotech ganharia US$ 15 por dose da vacina Covaxin vendida ao Ministério da Saúde.

Por outro lado, se recusou a divulgar a remuneração da Precisa Medicamentos, que é intermediária no negócio. Afirma que existe uma cláusula de confidencialidade no contrato.

A questão da Precisa tem cláusula de confidencialidade e eu não tenho autorização para mostrar aqui, afirmou.

Link curto: https://bit.ly/3i1YKdC

TÓPICOS:
Cpi Da Covid

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu