Geral

Ford vai indenizar governo da Bahia em R$ 2,5 bilhões após saída do estado, diz jornal

A Ford vai ressarcir a Bahia em R$ 2,5 bilhões por conta da saída do parque de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador

Rastro101
Com informações do Bahia Notícias

16/06/2021 por Redação

Divulgação/Bahia NotíciasDivulgação/Bahia Notícias A Ford vai ressarcir a Bahia em R$ 2,5 bilhões por conta da saída do parque de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (16) pela coluna Capital, do jornal O Globo, que indicou que o acordo deve ser anunciado nos próximos dias.

 

Desde a saída da montadora do estado, o governo do estado vinha demonstrando a intenção de cobrar pelos benefícios fiscais concedidos nos últimos 20 anos e também por perdas futuras. Pelos cálculos da gestão estadual, a conta passaria de R$ 4 bilhões. Fiscais do Estado já estavam iniciando a fiscalização e intimando a empresa.

 

SAÍDA DA FORD

Ao todo foram fechadas três plantas de produção no Brasil. Serão mantidos apenas o Centro de Desenvolvimento de Produtos, em Camaçari, que terá sua fábrica fechada, e o Campo de Provas e sua sede regional, ambos em São Paulo. Logo após a divulgação da notícia, o governador Rui Costa (PT) seguiu buscando soluções para amenizar os impactos econômicos (reveja aqui).

 

Em seguida, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) pressionou o Poder Público a reduzir o custo Brasil para evitar a debandada de outras empresas multinacionais (veja mais). A Fieb também lamentou a decisão da retirada das operações da Ford do Brasil e disse que foi uma "ducha de água fria" (veja aqui).

 

Até a Tesla surgiu como alternativa para ocupar o parque fabril de Camaçari. De acordo com a Fieb, a empresa chegou a ser uma das possibilidades (relembre aqui). Além dela, a compra da fábrica de Camaçari já despertou interesse de quatro marcas chinesas, que estariam interessadas em comprar a fábrica na Bahia (veja aqui). Contudo, ainda não houve nenhum avanço.

 

A montadora ainda ignorou um acerto feito com incentivos fiscais garantidos até 2025 pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, após encontro com o vice-governador do estado, João Leão (PP), e os senadores Otto Alencar (PSD) e Jaques Wagner (PT) (leia mais aqui). Na semana seguinte, o governador Rui Costa (PT) foi à Brasília para apresentar ao embaixador da China no país, Yang Wanming, o parque que a Ford ocupava em Camaçari, no intuito de conseguir investimentos (leia mais aqui).

 

Em maio, a Bahia apresentou o maior recuo industrial do Brasil, de acordo com dados divulgados pelo IBGE. Segundo gerente de estudos técnicos da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), Ricardo Kawabe, a saída da Ford foi o principal fator para estes números (leia mais aqui).

Link curto: https://bit.ly/3wA0YHc

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101

cachedMais notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

menu