Geral

Homem é acusado nos EUA de ameaçar matar Joe Biden

Joshua Doctor, 21,dizia que usaria uma arma para matar funcionários selecionados como forma de "catalisar" uma nova revolução americana

Rastro101
Com informações do site O Tempo

17/03/2021 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoA promotora-geral do Michigan, Dana Nessel, acusou nesta terça-feira um homem de ameaçar matar o presidente americano, Joe Biden, a principal deputada democrata, Nancy Pelosi e a governadora daquele estado, Gretchen Whitmer, também democrata.

Joshua Doctor, 21, publicou múltiplos comentários ameaçadores na rede social iFunny, informou a promotora. Ele dizia que usaria uma arma para matar funcionários selecionados como forma de catalisar uma nova revolução americana.

Segundo Dana, o celular de Doctor armazenava informações sobre como fabricar bombas e onde encontrar o material necessário para fazê-lo. O rapaz, que se entregou hoje, é acusado de ameaçar executar um ato de terrorismo e usar um computador para cometer crimes. Ambas as acusações têm uma pena potencial de 20 anos. A primeira apresentação de Doctor ao juiz está prevista para 8 de abril.

No fim de janeiro, o governo lançou um alerta antiterrorista devido a ameaças de extremistas contra a administração Biden. Em seu discurso de posse, no começo do ano, o presidente americano prometeu derrotar o aumento do extremismo político, a supremacia branca e o terrorismo doméstico.

Em outubro passado, a governadora Gretchen Whitmer foi alvo de um pequeno grupo de ultradireita que planejava sequestrá-la pela imposição de restrições sanitárias para conter as infecções pelo novo coronavírus.

Link curto: https://bit.ly/3cKs2ec

TÓPICOS:
Nos Eua

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

menu
'; $("#conteudoMateria br:eq(2)").after(pub); //$('#conteudoMateria').find('br:nth-child(1)').after(pub); });