Geral

Cientista mexicano é condenado por espionar EUA para a Rússia

Cabrera Fuentes declarou-se culpado por "atuar nos Estados Unidos para um governo estrangeiro sem notificar a Promotoria"

Rastro101
Com informações do site O Tempo

21/06/2022 por Redação

Divulgação/O TempoDivulgação/O TempoO cientista mexicano Héctor Cabrera Fuentes foi condenado nesta terça-feira (21) a quatro anos e um dia de prisão por espionar uma fonte do governo americano para a Rússia, durante uma audiência em Miami, no sudeste dos Estados Unidos. 

Estou profundamente arrependido por minhas ações e peço perdão aos Estados Unidos, declarou em inglês o renomado bioquímico perante um tribunal federal do sudeste da Flórida. 

Cabrera Fuentes, natural de Oaxaca, declarou-se culpado em fevereiro por atuar nos Estados Unidos para um governo estrangeiro sem notificar a Promotoria, um crime castigado com uma pena máxima de 10 anos de prisão. 

Segundo documentos judiciais, um funcionário russo o recrutou em maio de 2019, prometendo-lhe ajuda para resolver um assunto migratório que afetava sua esposa russa.  

A missão era viajar para Miami e tirar fotos da placa do carro de um americano que havia fornecido informações sobre o governo russo a Washington. 

O cientista viajou para Miami do México em 13 de fevereiro de 2020 para cumprir essa missão. No dia seguinte, ele dirigiu até o local onde a fonte do governo dos EUA morava em um carro alugado. Lá ele chamou a atenção de um segurança porque entrou no prédio colando em outro veículo antes que o portão de entrada se fechasse.

Antes da audiência, parentes de Cabrera Fuentes e cientistas que trabalharam com ele enviaram cartas ao tribunal para destacar seu trabalho como bioquímico e pesquisador cardiovascular de renome mundial, segundo um memorando enviado ao juiz. 

Um trabalho científico que, segundo o documento, só é superado por seu trabalho de caridade para apoiar o povo de sua nativa Oaxaca. 

Todo mundo comete erros na vida e esse é o meu grande erro, declarou Cabrera Fuentes no tribunal, onde mostrou seu desejo de voltar ao trabalho após a libertação da prisão.

(AFP)
                
 

Link curto: https://bit.ly/3HGMVpK

TÓPICOS:
Pena De 4 Anos

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu