Geral

Em operação, PF combate grupo que fraudava benefícios do INSS

Cidades - com informações do LiberdadeNews

Rastro101
Com informações do LiberdadeNews

16/02/2022 por Redação

/

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira, 16, a Operação Errantes, para desarticular uma organização criminosa especializada em fraudes de benefícios da Previdência Social. A ação é realizada nas cidades de Filadélfia, na Bahia, e Tabira e Petrolina, em Pernambuco. Foram cumpridos 24 mandados de prisão preventiva e 32 mandados de busca e apreensão

De acordo com as investigações, o grupo é suspeito de gerar um prejuízo de cerca de R$ 60 milhões ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) por criar pessoas fictícias para a obtenção indevida do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Na fraude, os criminosos aliciavam idosos que poderiam ter direito ao auxílio, forneciam documentos de identidades falsos, instruíam os processos administrativos de concessão com esses documentos e os orientavam a comparecer nos bancos para que os saques fossem realizados.

Mais de 150 policiais federais, com o apoio do Núcleo de Inteligência Previdenciária e Trabalhista (NUINT), participaram da ação. 

Os envolvidos responderão pelos crimes de estelionato majorado, utilização de documento falso, falsidade ideológica, agiotagem e lavagem de dinheiro. As penas podem chegar a 28 anos de reclusão.

Fonte: Atarde

Link curto: https://bit.ly/3uVNt6N

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu