Geral

Greve dos trabalhadores das balsas de Porto Seguro é suspensa após acordo com empresas

Paralisação estava prevista para quinta-feira; empresas concederam reajuste de 24% aos marinheiros auxiliares de máquinas e convés

.

Radar64
20/01/2022 por RADAR64

Divulgação/Radar64Divulgação/Radar64

A greve dos trabalhadores das empresas Rio Buranhém e Rionave, que operam a travessia de balsas entre a sede de Porto Seguro e o distrito de Arraial d’Ajuda, anunciada para quinta-feira (20), foi suspensa após a assinatura, nesta quarta-feira (19), de um acordo coletivo de trabalho.


As empresas decidiram conceder reajuste de quase 24% aos auxiliares de máquinas e convés (marinheiro), o que elevará o piso desses trabalhadores para R$ 1.950. Atualmente, o piso dessa função pago pelas empresas que operam em Porto Seguro é de R$ 1.582.


Presidente do sindicato, Paulo Cézar, conversa com marinheiro

Ao RADAR 64, o presidente do Sindicato Nacional dos Marinheiros e Moços de Máquinas em Transportes Marítimos e Fluviais, Paulo Cezar Claudino Lindote Santana, afirmou que trata-se de um acordo inédito em Porto Seguro e até mesmo no Brasil para auxiliares de máquinas e convés. Ele atribui o sucesso das negociações à boa vontade demonstrada pelas empresas, representada por Bruno Barbiero, e também à mediação feita pelo sindicato.


O acordo foi costurado pelos departamentos jurídicos do sindicato, que teve à frente a advogada Maria Aldina Plazzi, e das empresas, representadas pelo advogado Frederico Aleixo.




.


Link curto: https://bit.ly/32jstv0

TÓPICOS:
Radar64

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu