Geral

Chuva volta a preocupar moradores de Medeiros Neto; rios que cortam município têm volume de água alto

Cidades - com informações do LiberdadeNews

Rastro101
Com informações do LiberdadeNews

23/12/2021 por Redação

/

Medeiros Neto: A chuva voltou a preocupar os moradores de Medeiros Neto, uma das cidades mais atingidas pelos temporais no sul da Bahia, na tarde desta quarta-feira (22). Os rios que cortam o município estão com o volume de água muito alto.

A chuva alertou a prefeitura para o rio Itanhém, também conhecido como Alcobaça. De terça-feira (21) para esta quarta, o volume subiu 1,5 metro e a preocupação é que a chuva caia na cabeceira do rio, em Minas Gerais.


De acordo com a prefeitura de Medeiros Neto, cerca de 300 pessoas continuam desabrigadas ou desalojadas. Depois de um mapeamento feito pela Secretaria de Assistência Social do Município e a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia, (Conder), mais de 1.100 imóveis foram condenados.



Jaciele da Silva Santos segue abrigada com o filho e o marido em uma escola, na expectativa de voltar para casa



Outra que teve sérios prejuízos foi Ziane de Jesus Santos, que teve todos os móveis da casa onde morava destruídos por causa da enchente provocada pelas fortes chuvas. A baiana até tentou voltar para o imóvel, mas teve que ficar no abrigo.



O rio Água Fria voltou a transbordar na noite de terça-feira e deixou pelo menos cinco ruas do centro da cidade inundadas. Cerca de 200 imóveis tiveram o fornecimento de energia elétrica interrompido.



Cerca de 80% do comércio foi afetado. Muitos comerciantes ainda não conseguiram contabilizar os prejuízos. Quem tem loja nas ruas que voltaram a alagar, está preocupado.

Fonte: G1

Link curto: https://bit.ly/3HalV0e

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu