Geral

Medeiros Neto: Chuva volta a alagar ruas e aumenta drama de comerciantes

Cidades - com informações do LiberdadeNews

Rastro101
Com informações do LiberdadeNews

22/12/2021 por Redação

/

Medeiros Neto: As ruas de Medeiros Neto, no Extremo Sul, voltaram a ficar alagadas após as chuvas desta terça-feira (21). O fato ocorreu após o nível do Rio Itanhém aumentar. O curso de água nasce na cidade mineira de Fronteira dos Vales e corta Medeiros Neto e Alcobaça antes de desaguar no mar.

A reportagem, o prefeito de Medeiro Neto, Adalberto Pinto (Pros), informou que o Centro da cidade, onde se concentram o comércio, foi novamente tomado pela água, o que frustrou a retomada das atividades.

“Estamos pedindo a Deus para ter paciência com a gente, porque né (sic) possível uma coisa dessa. Os comerciantes tinham botado as mercadorias nas lojas e tiveram de tirar tudo de novo, tarde da noite. É um desânimo muito grande. Tem gente em desespero. Tá pesado.”, lamentou o prefeito.

As chuvas dessa terça não foram intensas como as que ocorreram no dia 14 de dezembro, mas foram suficientes para alagar as ruas Ibirajá e Paraná. Não foi informada a quantidade de milímetros.

/

Ainda segundo a prefeitura, pelo menos 300 pessoas estão ainda na condição de desabrigadas [sem casa] ou desalojadas [que estão fora das moradias temporariamente]. Os afetados estão em abrigos, escolas e quadras de esportes.  Ainda segundo o gestor, mais de 1 mil imóveis foram afetados pelas chuvas.

A prefeitura alertou para que moradores em áreas de riscos procurem os abrigos montados no município.

Fonte: Bahianoticias

Link curto: https://bit.ly/3stDcxI

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu