Esporte

TRE julga improcedente acusação de compra de votos de Miguel da Canarina

Miguel Alves de Araújo (PSD), conhecido como "Miguel da Canarina", foi julgado inocente das acusações de abuso de poder econômico

Rastro101
Com informações do Bahia Notícias

07/12/2021 por Redação

Divulgação/Bahia NotíciasDivulgação/Bahia Notícias Miguel Alves de Araújo (PSD), conhecido como "Miguel da Canarina", foi julgado inocente das acusações de abuso de poder econômico. O vereador chegou a ser preso por suspeita de compra de votos, por denúncia do Ministério Público (veja aqui).



 

Em decisão de 1ª instância, no dia 9 de dezembro do ano passado, já tinha sido decretado que não existiam fundamentos para procedência dos pedidos formulados pelos investigantes. Na manhã desta terça-feira (7), o caso foi julgado em 2ª instância e, por unanimidade, foi mantida a decisão de inocentar Miguel. 

 

Na época de eleições de 2020, uma equipe da Polícia Militar encontrou no carro do vereador itens como cheque no valor de R$ 900 pertencente à prefeitura da cidade, recibos, boletos de pagamento, entre outros.

Link curto: https://bit.ly/33a2Pc9

TÓPICOS:
Bahia

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu