Saúde

Leitos de UTI para Covid-19 esgotam-se no hospital estadual em Porto Seguro

Hospital Luís Eduardo Magalhães é referência no tratamento da Covid-19 na região

Informações: Radar64
25/05/2020 por Redação, atualizado em 25/05/2020 às 13h38 por Redação

Hospital Luís Eduardo Magalhães, Porto Seguro. (Reprodução)Hospital Luís Eduardo Magalhães, Porto Seguro. (Reprodução)Os leitos de UTI do Hospital Estadual Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, destinados exclusivamente ao tratamento de pessoas com Covid-19, alcançaram lotação máxima na noite de domingo (24).

A informação consta de um comunicado urgente que a diretoria técnica do hospital enviou para a IGH - empresa que administra a unidade hospitalar, para o secretário de Saúde de Porto Seguro, Kerrys Ruas e para a Central Regional do Samu, em Eunápolis.

No documento, a diretoria do Luís Eduardo Magalhães informa que os 10 leitos estão ocupados por cinco pacientes oriundos de Eunápolis, três de Porto Seguro e dois de Itabela.

*** TEXTO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ***
O hospital solicita o apoio das instituições para encaminhar os pacientes críticos para outras unidades de referência na Bahia, através do sistema estadual de regulação.

O pronto atendimento do Hospital Luís Eduardo, diz o documento, mantém a operacionalidade para receber e estabilizar possíveis novos casos, que deverão ser prontamente transferidos, conforme orientação da Central de Regulação Estadual.

O Hospital Luís Eduardo Magalhães é referência no tratamento da Covid-19 nos oito municípios que compõe a Costa do Descobrimento: Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália, Belmonte, Itapebi, Itagimirim, Eunápolis, Itabela e Guaratinga.

Até domingo (24), Eunápolis contabilizava 95 casos confirmados de coronavírus, seguido Porto Seguro, com 60. Itabela registrava quatro casos.

Link curto: https://bit.ly/3d4dKnJ

TÓPICOS:
Covid-19 saturação porto Seguro

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu