Crimes

Mulher é brutalmente espancada no sul da Bahia e pode ficar cega

Ex-companheiro é o principal suspeito do crime

Redação com informações do G1 Bahia
10/06/2019 por Redação, atualizado em 10/06/2019 às 16h09 por Redação

Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. (Foto: Alan Oliveira/G1)Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. (Foto: Alan Oliveira/G1)Uma mulher de 32 anos ficou gravemente ferida após ser espancada no último sábado (8), na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia. Segundo a polícia, o ex-companheiro da vítima é o principal suspeito de cometer o crime.

A polícia informou que Nayane Almeida estava em casa, quando o suspeito, que estava alcoolizado chegou e começou a agredir a vítima. Em seguida, o homem levou a vítima para a casa dele onde continuou com o espancamento.

*** TEXTO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ***
Ainda segundo a polícia, a irmã de Nayane ficou sabendo do caso e foi até a casa do agressor e conseguiu ajudar a vítima a fugir do local após entrar em luta corporal com o suspeito.

A mulher foi socorrida para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas devido à gravidade dos ferimentos precisou ser transferida para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, na manhã desta segunda-feira (10). Familiares informaram que ela pode ficar cega após sofrer lesões de faca no olho.

Familiares ainda informaram que a mulher está separada do suspeito há cerca de dois anos e já havia sido agredida por ele antes. O caso está sendo investigado e o suspeito segue sendo procurado.

Link curto: http://bit.ly/2ZiiJtO

TÓPICOS:
Agressão mulher ex-companheiro

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu