Crimes

Homem é preso após matar namorada por asfixia em Camacan

Crime teria ocorrido durante uma discussão do casal

Redação com informações do site O Tempo Jornalismo
28/11/2018 por Redação, atualizado em 28/11/2018 às 16h58 por REDAÇÃO

Homem foi preso logo após o crime. (Reprodução: O Tempo Jornalismo)Homem foi preso logo após o crime. (Reprodução: O Tempo Jornalismo)Um homem foi preso no início da noite desta terça-feira, 27, acusado de ter assassinado sua na morada, na cidade de Camacan, região sul da Bahia. De acordo com informações, Edinaldo Francisco de Jesus e Ana Paula Reis estavam se relacionando há cerca de três meses.

Segundo moradores da Rua da Laranjeira, onde ocorreu o crime, o casal estava consumindo bebida alcoólica desde cedo e em seguida, uma discussão teria sido iniciada dentro da residência do acusado. A polícia informou que Ana Paula foi morta por asfixia mecânica durante a briga.

*** TEXTO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ***
Ainda segundo a polícia, Edinaldo tem uma extensa ficha criminal, que começa no final da década de 90, quando foi condenado a 12 anos de prisão após uma acusação de estupro. Em 2013, foi acusado de ter matado um homem a facadas, após este ter tentado defender uma prima que discutia com o suspeito.

Pelo assassinato de 2013, Edinaldo se apresentou na delegacia de Camacan e confessou o crime, mas a polícia não acreditou na história, pois o homem estava embriagado. Após receber denúncias sobre o fato, a polícia descobriu que ele falava a verdade, no entanto, como ele se entregou por conta própria, apenas foi ouvido e liberado.

Já em 2016, o acusado ficou mais de um mês recluso após ter se envolvido em uma briga e por isso estava em liberdade condicional, até ser preso novamente por matar a namorada na última terça-feira.

Link curto: http://bit.ly/2P6m9dB

TÓPICOS:
Feminicídio camacan prisão

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu