Geral

Jovem morto com tiro na testa pode ter sido vítima de disparo acidental

Ele estaria brincando com um amigo quando foi atingido

Redação com informações do site Acorda Cidade
23/03/2018 por Redação, atualizado em 23/03/2018 às 12h06 por Redação

Willian foi  morto com um tiro na testa. (Imagem: Reprodução)Willian foi morto com um tiro na testa. (Imagem: Reprodução)

A Polícia Civil acredita que que o assassinato do estudante de 14 anos, William Oliveira Ferreira, ocorrido na última quarta-feira (21) em Feira de Santana, não se trata de um homicídio doloso (quando há intenção de matar).

*** TEXTO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ***
De acordo com o delegado Fabrício Linard, titular da Delegacia de Homicídios, o adolescente foi morto durante uma brincadeira com um amigo muito próximo. No mesmo dia do crime, os jovens aparecem em um vídeo gravado na casa da vítima antes de irem para a escola, onde manuseiam uma arma de fogo, que pertenceria ao adolescente que efetuou o disparo.

O delegado informou ainda que tudo indica que o crime foi um acidente, já que William foi morto com um único tiro que atingiu sua testa, e também não possuía passagens pela polícia.

Segundo Fabrício Linard, um inquérito foi aberto para apurar o crime. Ele informou ainda que não acredita que o autor seja internado em uma Comunidade Socioeducativa, mas que deverá responder o processo em liberdade devido à gravidade do fato.

Link curto: http://bit.ly/2HjjcnP

TÓPICOS:
Assassinato feira De Santana acidente

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu