Crimes

Mulher espancada pelo marido morre no hospital após 5 dias de luta pela vida

Agressor segue preso agora podendo responder pelo crime de feminicídio

Redação com informações do site Itamaraju Notícias
23/01/2018 por Redação, atualizado em 23/01/2018 às 12h43 por Redação

Aparecida ficou 5 dias internada. (Foto: SulBahia News)Aparecida ficou 5 dias internada. (Foto: SulBahia News)

Morreu na manhã desta segunda-feira, dia 22, no Hospital Municipal de Itamaraju, a mulher que havia sido internada na unidade após ser espancada pelo marido no último dia 17.

A vítima, Aparecida Teles de Almeida, contou ao dar entrada na unidade, que havia sido agredida pelo marido. Ela apresentava um quadro de traumatismo craniano e precisou ficar internada. Com o passar do tempo, seu quadro de saúde se agravou e ela acabou vindo a óbito.

O marido da vítima, Valdeir da Silva, foi preso no hospital, onde acompanhava a esposa, sendo conduzido para a Delegacia de Polícia Civil, permanecendo detido a disposição da justiça.

Com a morte de Aparecida o caso ganha um novo elemento, que será anexado ao inquérito policial. Se confirmado as agressões, o acusado poderá responder por feminicídio, crime hediondo do art. 2º da Lei 13.104/15 alterou o artigo 1º da Lei 8.072/90 (lei dos crimes hediondos) para incluir nesse rol o homicídio qualificado do inciso VI,do § 2º, do art. 121 do CP.

A polícia está ouvindo depoimentos de testemunhas e familiares para dar prosseguimento à investigação. O corpo de Aparecida foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Itamaraju para os procedimentos de necropsia.

Link curto: http://bit.ly/2Jv6X8q

TÓPICOS:
Agressão brutalidade morte itamaraju

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu