Menu

MENU

Início Notícias Agenda Contato
PUBLICIDADE

Publicado: 20/07/2017, por Redação Atualizado: 21/07/2017 às 07h14, por Redação

Geral

Onça pintada no Sul da Bahia: primeiro registro em mais de 20 anos

Estima-se que sua população não supere 300 indivíduos na Mata Atlântica.

Assessoria de Comunicação Veracel

Onça-pintada é o maior felino das Américas (Foto: Divulgação)Onça-pintada é o maior felino das Américas (Foto: Divulgação)

Foto revela uma onça pintada na RPPN Estação Veracel – Porto Seguro/BA. Esse é o primeiro registro em mais de 20 anos na região e feito durante o monitoramento de fauna e flora realizado pela consultoria especializada Casa da Floresta. A imagem foi feita por meio das armadilhas fotográficas, em maio, e só depois de refinados dados, a informação é trazida à público. A espécie se encontra na categoria “vulnerável” de risco de extinção no âmbito nacional, no entanto, para o bioma Mata Atlântica, seu grau de ameaça é ainda maior, pois acredita-se que sua população não supere 300 indivíduos.

“Isso significa o sucesso dos esforços de conservação ambiental”, destaca o analista ambiental Ronaldo Gonçalves Morato, do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos (CENAP) vinculado ao Instituto Chico Mendes (ICMbio). A onça-pintada é um mamífero de topo de cadeia, considerado o maior felino das Américas. Possui extensa área de vida, podendo chegar a 113 km2 para machos e 86 km2 para fêmeas na Mata Atlântica. Sua ocorrência está relacionada ao número de presas, a presença de cursos d’água e a quantidade de cobertura vegetal com alto grau de preservação, apesar de já ter sido registrada em áreas de silvicultura. Segundo Morato, é importante celebrar e tratar com orgulho, pois a presença desse animal só é possível em condições ambientais adequadas. “Dá novo ânimo aos estudos pela conectividade entre o Parque e a Estação Veracel”, complementa Fábio Faraco, gestor do Parque Nacional Pau Brasil – ICMbio.

Evolutivamente, a onça-pintada é um parente bastante próximo de outras espécies de grandes felinos, como o tigre e o leão, sendo o único representante do gênero Panthera no Brasil. Segundo o gerente de projetos da Casa da Floresta, Elson Fernandes de Lima, a ocorrência da espécie no Sul da Bahia é ainda mais espetacular pois trata-se de uma região sensível devido ao histórico de ocupação local, com extensas áreas de pastagem e “sobretudo, a forte pressão de caça, evidenciada tanto por nossos estudos, quanto por outros artigos científicos”, lembra o ecólogo.

A partir de agora, já começa a ser desenhado um arranjo institucional que permita ampliar e intensificar o monitoramento nesta área, da mesma forma que se faz necessário dar suporte à sociedade para conviver e conservar a biodiversidade.

Estação Veracel - Localizada no bioma Mata Atlântica, a aproximadamente 15 quilômetros do centro histórico de Porto Seguro, em plena Costa do Descobrimento no Sul da Bahia/Brasil, a Reserva Particular de Proteção Natural (RPPN) Estação Veracel ocupa uma área de 6.069 hectares, que se estendem pelos municípios de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália. A RPPN Estação Veracel possui o reconhecimento da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) como uma das Reservas de Mata Atlântica inscritas como Sítio do Patrimônio Mundial Natural. Desde 1992, a RPPN Estação Veracel em sido um espaço para estudos sobre a flora e a fauna realizados em parceria com os quais são realizados em parcerias com universidades, centros de pesquisa e organizações não governamentais. A área também abriga atividades de educação e recreação ambiental, utilizando a técnica de vivências com a natureza, na qual os visitantes podem entrar em contato direto com a floresta e vivenciar experiências com o meio ambiente.

A Casa da Floresta Ambiental é uma empresa especializada em estudos de biodiversidade e sustentabilidade. Com 17 anos de experiência na área de consultoria ambiental, estão à frente deste projeto o Ecólogo Me. Elson Fernandes de Lima, o eng. Florestal Rogério Cânovas Camargo Ferreira e o biólogo Diogo Cavenague Casanova. A Casa da Floresta realiza monitoramento de fauna e flora em áreas da Veracel desde 2008.

Nosso número do WhatsApp: (73) 9 9910-1023
Através de nosso canal no WhatsApp, você poderá enviar perguntas, sugestões, relatos, além de áudio, fotos ou vídeos que poderão virar notícia no site após apuração de nossa equipe. Fique ligado com a redação do RASTRO101!

Comunicar erro na matéria

COMUNICAR ERRO

Este espaço destina-se apenas à comunicação de erros encontrados em nossos textos. Preencha os campos abaixo informando os detalhes do erro.



PUBLICIDADE

TÓPICOS: Onça-pintada veracel natureza Veja mais
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Estamos nas redes sociais:

PUBLICIDADE

Últimas no Rastro

PUBLICIDADE
  Receba nossas notícias
PUBLICIDADE
Cadastre-se no Rastro101 e receba nossas notícias



  • Quem somos
  • Editorial
  • Privacidade

  • RASTRO101
    © COPYRIGHT 2011-2018 | DR WATSON INFORMÁTICA E PUBLICIDADE LTDA.