Geral

Construção de puxadinho em igreja do século XIX causa polêmica em Caravelas

A prefeitura informou que não poderia fazer nada porque a igreja não foi tombada

Redação com informações do site Sul Bahia News
27/10/2016 por Alessandro Granda, atualizado em 27/10/2016 às 09h44 por Alessandro Granda

(Foto: Sul Bahia News)(Foto: Sul Bahia News)

Como já dizia o saudoso ex-governador Otávio Mangabeira, “Pense num absurdo, na Bahia tem precedente”. O que seria apenas uma construção de um anexo, se tornou alvo de polêmica desde o início de outubro deste ano, quando fotos da construção do chamado “puxadinho” nos fundos de igreja católica do século XIX, considerada patrimônio cultural da comunidade em Ponta de Areia, distrito do município de Caravelas, começaram a circular nas redes sociais.

Conforme informações do jornalista Ronildo Brito, a construção foi autorizada por um líder religioso no local. Procurada para falar sobre o assunto a Prefeitura Municipal de Caravelas informou que não poderia fazer nada porque o patrimônio ainda não foi tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional.

A construção está descaracterizando o estilo gótico arquitetônico do século XIX, e por consequência acabando também com a possibilidade de um tombamento. Esta não é a primeira vez que um patrimônio histórico de Caravelas sofre com ação humana. Vale lembrar que ainda este ano foi registrado pela imprensa a destruição da Vila dos Oficiais, construída próximo ao aeroporto em 1942 pelos americanos na Segunda Guerra Mundial.

Link curto: http://bit.ly/2HmzfkA

TÓPICOS:
Igreja Construção Caravelas Puxadinho Obra

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu