Menu

MENU

PUBLICIDADE

Publicado: 08/09/2016, por Redação Atualizado: 08/09/2016 às 08h11, por Redação

Geral

Tartarugas marinhas são monitoradas na região da Costa do Descobrimento

Todos os anos, centenas de tartarugas marinhas buscam as praias da região de Belmonte e Santa Cruz Cabrália para desova.

Veracel

Todos os anos, centenas de tartarugas marinhas buscam as praias da região de Belmonte e Santa Cruz Cabrália para desova.Todos os anos, centenas de tartarugas marinhas buscam as praias da região de Belmonte e Santa Cruz Cabrália para desova. (Divulgação)

Há 11 anos, no período de setembro a abril, tartarugas marinhas são monitoradas no trecho de 35 quilômetros de praia no entorno do Terminal Marítimo de Belmonte (TMB) da Veracel Celulose. Este monitoramento visa a proteção dos ninhos das tartarugas e também a educação e sensibilização dos moradores de comunidades vizinhas e pescadores.

Todos os anos, centenas de tartarugas marinhas buscam as praias da região de Belmonte e Santa Cruz Cabrália para desova. Elas vêm de várias partes do mundo e depositam seus ovos em buracos escavados na areia. Essa atividade reprodutiva geralmente acontece nas mesmas praias que as fêmeas nasceram. Segundo o biólogo da empresa CTA, parceira da Veracel Celulose e responsável pelo monitoramento, Odair Schneider, hoje a comunidade é a principal aliada no cuidado das espécies marinhas nas praias desses municípios. "A interferência das pessoas em relação às tartarugas mudou muito e pode ser que no futuro haja uma tendência de aumento das desovas nessa região" afirma Odair.

Filhote de tartaruga (Divulgação)Filhote de tartaruga (Divulgação)

De acordo com o coordenador de Controle Ambiental da Veracel, Tarciso Matos, os resultados do monitoramento também são utilizados pela empresa para garantir que o Terminal opere sem impactar a reprodução dessas espécies. “As informações do monitoramento têm nos ajudado a tomar ações que reduzem cada vez mais a interferência do terminal no meio ambiente”.

IMPORTÂNCIA DO MONITORAMENTO – A região da Costa do Descobrimento entre Belmonte e Santa Cruz Cabrália abriga um dos principais bolsões de desova de tartarugas marinhas do Brasil. O cuidado com as espécies marinhas que anualmente se reproduzem na região é de extrema importância para o equilíbrio ecológico e a preservação de muitas espécies. Para isso, ações de educação ambiental são promovidas pela Veracel nas comunidades, além de atividades de proteção desenvolvidas na região. Esse monitoramento faz parte do atendimento a condicionante ambiental da Licença de Operação do Terminal Marítimo de Belmonte junto ao IBAMA.

Comunicar erro na matéria

COMUNICAR ERRO

Este espaço destina-se apenas à comunicação de erros encontrados em nossos textos. Preencha os campos abaixo informando os detalhes do erro.



PUBLICIDADE

TÓPICOS: Veracel Tartarugas Marinhas Monitoramento Veja mais
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Estamos nas redes sociais:

PUBLICIDADE

Últimas no Rastro

PUBLICIDADE
  Receba nossas notícias
PUBLICIDADE
Cadastre-se no Rastro101 e receba nossas notícias



RASTRO101
© COPYRIGHT 2011-2017 | DR WATSON INFORMÁTICA E PUBLICIDADE LTDA.