Crimes

Mulher tenta matar a filha com veneno de rato após briga com o marido

A pena prevista, em caso de condenação, varia de 12 a 30 anos de prisão

Radar 64
03/08/2015 por Redação, atualizado em 03/08/2015 às 13h10 por Redação

Radar 64Radar 64

Um desentendimento com o marido, foi a justificativa dada por uma mãe que tentou matar a filha de um ano e oito meses com veneno de rato. O caso aconteceu na manhã do último domingo (02), no bairro Juca Rosa, em Eunápolis.

Conforme informações da polícia, a mãe identificada como Daniela Albertina Santos, 19 anos, dona de casa disse que tentou se matar, mas se arrependeu ao ver a filha chorando e se contorcendo de dor na barriga. A assistente social do Hospital Regional foi quem acionou a polícia, quando Albertina deu entrada para desintoxicação da filha.

A mulher foi presa e autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificado. Se condenada a pena prevista, varia de 12 a 30 anos de prisão.

Pessoas próximas informaram que o casal já estava separado há alguns dias e as brigas eram constantes. No sábado, a criança ficou doente e precisou ser levada para o hospital, onde ficou internada.
Daniela informou que no domingo ligou para o marido ir dormir com a filha no hospital, mas ele teria se recusado, afirmando que iria se encontrar com a nova namorada.

Revoltada, ela falou que resolveu tirar a filha do hospital e no caminho de volta pra casa passou em uma barraca no Pequi e comprou o veneno. Ela contou detalhes do envenenamento. Em depoimento disse que colocou “chumbinho” na água e em seguida deu à criança em uma mamadeira. Outra parte do veneno foi dissolvida em um copo d'água que ela mesmo tomaria, mas acabou mudando de ideia.

Link curto: http://bit.ly/2Jxdkrv

TÓPICOS:
Mulher Chumbinho Polícia Eunápolis Homicídio Marido

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu