Crimes

Padrasto joga óleo fervente na enteada grávida em Vitória da Conquista

Jovem de 16 anos deu entrada na emergência do Hospital São Vicente


22/07/2015 por Redação, atualizado em 22/07/2015 às 17h43 por Redação

Foto ilustrativaFoto ilustrativa

A crueldade parece não ter limites, dessa vez o crime bárbaro aconteceu no interior da Bahia, uma adolescente grávida de 3 meses foi queimada pelo padrasto com óleo fervente dentro da própria casa no Bairro de Lagoa das Flores, em Vitória da Conquista. O caso somente foi descoberto após a jovem de 16 anos entrada na emergência do Hospital São Vicente. Mediante a gravidade da situação o Conselho Tutelar foi acionado.

Conforme relato da Polícia Civil, a adolescente estava fritando uma carne, quando Adriano Rocha, esposo da mãe da jovem, derrubou o fogão e jogou óleo quente. Devido a crueldade do fato, uma conselheira tutelar conduziu a mãe da adolescente para atendimento na Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher (Deam).

Na delegacia, a mãe da jovem se recusou a registrar queixa contra o marido, alegando que não pode deixar o agressor, já que tem outros sete filhos. Mesmo contrariando a vontade da mãe, a queixa foi registrada, já que foram constatados os indícios do crime.

Link curto: http://bit.ly/2HEvbMF

TÓPICOS:
Adolescente Grávida Queimada Padrasto Vitória Da Conquista óleo

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu