Crimes

Homem que decapitou esposa após briga foi preso pela polícia

Renato Guilherme da Silva, de 24 anos, que assassinou e decapitou a esposa por ciúmes, foi preso no fim de semana

Redação Rastro 101 com base: Agreste Violento
23/03/2015 por Redação, atualizado em 24/03/2015 às 05h43 por Redação

Renato Guilherme, 24 anos, autor do crime (Foto: Reprodução Agreste Violento)Renato Guilherme, 24 anos, autor do crime (Foto: Reprodução Agreste Violento)Renato Guilherme da Silva, de 24 anos, que assassinou a esposa Patrícia Pereira da Silva, 20 anos, por ciúmes, foi preso na noite desse último sábado(21), na cidade de Argelim, Agreste pernambucano, por 3 policiais do 9º Batalhão da PM de Garanhuns.

O rapaz estava na casa de parentes, na mesma rua em que aconteceu o crime e não resistiu a prisão. Ele foi conduzido para a delegacia, e após procedimentos padrões encaminhado até a carceragem pública.

(Foto: Reprodução Agreste Violento)(Foto: Reprodução Agreste Violento)Renato disse a um dos agentes policiais que o motivo da discussão e consequentemente o crime é que ele suspeitava que a esposa estaria tendo um relacionamento com outro homem. Durante os dias em que esteve foragido, estava escondido na zona rual do município.

O delegado José Ronivaldo, responsável pelo caso, informou que: "Ele flagrou ela de conversa no WhatsApp com outro homem, mandando mensagens e fotos e teve uma crise de ciúmes. Antes de fugir, ele passou na casa dos pais e disse: 'Chamem a polícia, porque eu matei Patrícia'. Os pais então foram até a casa onde os dois moraram, viram que ele, de fato, tinha matado a mulher, e chamaram a polícia".

Amigos do casal disseram que a briga começou ainda na festa. Disseram ainda que Renato era muito ciumento, as discussões por ciúmes por parte dele, eram frequentes.

Link curto: http://bit.ly/2ql9KIy

TÓPICOS:
Assassinato Decapitada Preso

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu