Crimes

Homem supostamente espancado em Itagimirim continua em estado grave

Homem foi atendido pelo SAMU na quarta-feira (4), com lesões na cabeça e em outras partes do corpo. Ele continua em estado grave e espera procedimento cirúrgico

Redação Rastro101
09/02/2015 por Redação, atualizado em 10/02/2015 às 12h38 por Redação

Peu que já tinha passagem pela polícia, morreu no hospital depois de 5 dias de sofrer um suposto espancamento. (Arquivo/Rastro101)Borracheiro foi encontrado caído em uma rua no bairro Francino Andrade (Arquivo/Rastro101)O proprietário de uma borracharia no município de Itagimirim (BA), continua em estado grave e aguarda por procedimento cirúrgico no Hospital Regional de Eunápolis. Pedro Pinheiro Rodrigues, 46 anos, mais conhecido como "Peu", está internado desde a última quarta-feira (4), após ter sido encontrado caído em uma rua no bairro Francino Andrade.

De acordo com uma socorrista do SAMU que fez o atendimento no dia, o homem apresentava várias lesões pelo corpo, como traumatismo cranioencefálico (TCE), equimose periorbitária, conhecido pelos médicos como "olhos de guaxinim", que é um indicativo de lesão na base do crânio, além da diminuição dos movimentos do lado esquerdo. Ainda segundo a socorrista, o homem tinha hematomas na região lombar, e os dedos de um dos pés estavam todos esfacelados.

De acordo com informações de populares, há indícios de que o homem tenha sido espancado, mas a polícia não confirmou a hipótese e ainda apura o caso.

Correção

Pedro Pinheiro Rodrigues, "Peu", não veio a óbito como foi informado na matéria anterior. Ele continua internado em estado grave em Eunápolis e aguarda por um procedimento cirúrgico.

Link curto: http://bit.ly/2Hq4FXs

TÓPICOS:
Espancamento Violência

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu