Crimes

Delegado Élvio Brandão assume o caso Rielson Lima

Delegado José Hermano Costa, que assumiu o caso logo após a morte do prefeito, alegou que é amigo do atual prefeito, e que não vai continuar nas investigações

Por Radar64
10/08/2014 por Redação, atualizado em 10/08/2014 às 23h17 por Redação

Delegado Élvio Brandão assumiu o caso sobre a morte de Rielson Lima, assassinado em Itagimirim. (Foto: Arquivo/Radar64)Delegado Élvio Brandão assumiu o caso sobre a morte de Rielson Lima, assassinado em Itagimirim. (Foto: Arquivo/Radar64)O delegado especial do Depin (Departamento de Polícia do Interior), Élvio Brandão, assumiu, desde sexta-feira (08), as investigações do assassinato do prefeito de Itagimirim, Rielson Lima.

À frente do caso desde 30 de julho – um dia após a morte de Rielson, o delegado José Hermano Costa - que já tinha ouvido alguns suspeitos e testemunhas, se deu por impedido, alegando que é amigo de Rogério Andrade, vice que se tornou prefeito com a morte de Rielson.

Élvio Brandão - considerado muito experiente no meio policial, já foi coordenador da 23ª Coorpin, em Eunápolis. O diretor do Depin, delegado Moisés Damasceno, já havia designado cinco investigadores de Salvador para auxiliar nas investigações.

De acordo com a delegada Valéria Fonseca, que coordena a Polícia Civil na microrregião, o inquérito vem sendo mantido em sigilo para não atrapalhar a apuração do crime.

O prefeito Rielson Lima foi executado a tiros em praça pública, no centro de Itagimirim, na noite de 29 de julho. Ninguém foi preso até o momento.

Link curto: http://bit.ly/2HnvJXc

TÓPICOS:

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE

MAIS NOTÍCIAS DO RASTRO101
menu